Dicas

Como declarar seus ganhos do Forex no Imposto de Renda


Todos os anos, a Receita Federal alerta os contribuintes para que não deixem o envio de seus dados para o último dia do prazo de entrega. Esse prazo é restrito, e a obrigação é semelhante em praticamente todos os países com economias fortes.

Nos Estados Unidos, o imposto é conhecido como Tax Refund,e na Europa existem também obrigações semelhantes, com altos encargos públicos. Então, como declarar seus ganhos do Forex no Imposto de Renda em 2020?

O primeiro passo é saber que a forma como você enviou o recurso para sua corretora de Forex é um ponto central. Isso vai, provavelmente, determinar a forma como você pode receber os recursos de volta.

Declarando ganhos do forex de investimento utilizando Cartão de Crédito

A forma mais comum de envio de recursos para as corretoras internacionais de Forex pelos brasileiros é o Cartão de Crédito. Porque permite o envio de pequenas quantidades de dinheiro diretamente pelo site da corretora. Basta, nesse caso, que o cartão de crédito tenha a função internacional habilitada.

Aqui cabe uma ressalva, bandeiras como Mastercard e Visa consideram o Forex como “High-Risk Securities Merchants”, o que algumas vezes bloqueia os pagamentos para certas corretoras.

No Brasil, cartões como o Nubank bloquearam pagamentos para operações de Forex por questões próprias relacionadas à conduta dos usuários.

Caso utilize essa forma para colocar dinheiro na sua conta da corretora, você deverá usar a mesma forma para retirada. Ou seja, o dinheiro voltará como crédito no seu limite de cartão de crédito.

O Forex, nesses casos, é uma excelente forma de pagar sua fatura de cartão de crédito. Permitindo assim que você usufrua dos retornos do Forex por meio de consumo do dia a dia.

A limitação evidente é que você só pode operar e receber até o limite do seu cartão de crédito. Outro ponto é que o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) é incidente, e terá alíquota de 6,38%, bem maior que a de uma transferência entre bancos cobrada em remessas de dinheiro.

Mas, para nosso ponto central, que é como você declara seus ganhos no Forex no Imposto de Renda 2020, o aporte com cartão não precisa ser declarado no imposto de renda. Ele será considerado um consumo de serviço, que já é tributado no momento do consumo e não gera variação da renda do indivíduo.

Declarando ganhos de investimentos do Forex utilizando transferência bancária

Essa é, provavelmente, a única opção para realizar grandes investimentos no Forex. Ela precisa ser feita por um banco comercial brasileiro para outro banco internacionalmente.

Nesse caso, você precisará declarar à Receita Federal, prioritariamente, o envio da remessa de dinheiro para o exterior. Depois, deverá declarar o retorno do dinheiro, para que possa apurar o valor do lucro. Nesse caso, você deverá pagar entre 15% e 22,5% de Imposto de Renda sobre o valor do lucro obtido, dependendo do montante dos ganhos.

Para a declaração, o brasileiro deverá apurar os rendimentos usando o Programa de Apuração de Ganhos de Capital (GCAP) 2020.

Fica também a recomendação de fazer a apuração mensal, para que não seja surpreendido no momento de fazer a declaração e ter de recolher tudo de uma vez.

Essa modalidade tem, geralmente, como principal dificuldade, a abertura da conta de destino em nome do investidor brasileiro. Primeiro porque muitos bancos se resguardam a não abrir contas sem a presença física do investidor, e outros ainda exigem comprovação de endereço no país.

Essa modalidade é a mais simples para realizar o Forex apenas para quem já possuí conta no país onde a corretora tem escritório de representação. Assim, acaba ficando restrita para os investidores corporativos e grandes investidores pessoa física.

Declarando ganhos de investimentos do Forex utilizando serviços eletrônicos de pagamento

O terceiro método de envio e recebimento de recursos são os serviços de pagamento eletrônico, como o Skrill.com, por exemplo.

Esses métodos permitem que um investidor brasileiro envie recursos por meio de pagamento de boleto bancário. Depois, permitem que o dinheiro seja transferido para alguns bancos brasileiros, como o Banco do Brasil por exemplo.

Esse método é mais adequado para pequenas quantidades de dinheiro, por exemplo, para testar alguma corretora de Forex. Nesse caso, o retorno dos recursos para sua conta corrente será considerado reembolso do serviço pago para o site de meio de pagamento.

Caso a quantidade de recurso comesse a se tornar mais elevada, considero prudente realizar a declaração de Imposto de Renda também como ganhos de rendimento usando o GCAP.

Para saber domar bem o leão, todo investidor Brasileiro precisa estar bem informado. A educação financeira é um dos principais objetivos da Wiseinvest, por isso, o conteúdo financeiro é cuidadosamente pensado para você. Acompanhando o Blog da Wiseinvest, você certamente vai saber como declarar os seus ganhos do Forex no Imposto de Renda 2020.

Para Lembrar!

  • Primeiro, é importante saber que só deverá pagar imposto de renda quem obteve lucro nas operações de investimento no Forex, porém todos que obtiverem esses resultados devem declarar.
  • As obrigações de Imposto de Renda vão depender da forma como você envia os recursos para fora do Brasil.
  • Assinando o conteúdo financeiro da Wiseinvest, você fica sempre bem informado para fazer corretamente sua declaração de Imposto de Renda.

O conteúdo financeiro da Wiseinvest é feito com toda atenção e profissionalismo para você. Ele educa os investidores do Forex para que possam usufruir os lucros da melhor maneira possível e sem ter problemas com o Leão.

Aviso Legal: Forex e Contratos por diferença (CFDs) são instrumentos complexos e apresentam um alto risco de perda de dinheiro devido à alavancagem. Forex trading não é adequado para todos. Você deve considerar se entende como funcionam o forex e os CFDs e se pode se arriscar a correr o alto risco de perder seu dinheiro.

As corretoras de forex exibidas deverão negar o desempenho geral dos traders em suas plataformas. Oanda alerta que 76,8% dos retail traders perdem dinheiro negociando CFDs. A XTB alerta que 80% dos retail traders de forex perdem dinheiro negociando CFDs. A corretora de forex Fxcm adverte que 69,66% dos traders perdem dinheiro negociando CFDs.

Os desempenhos mencionados acima não estão relacionados ao sistema Wiseinvest AI forex trading e AI sinais de forex. Você pode verificar o desempenho do nosso sistema de IA forex em nosso dashboard.